RSS

Arquivo de etiquetas: mala; como fazer; enrolar; rolo; roupas; organizar; organização; viagem; viajar; bagagem; calça; blusa; camisa; saia; casaco

Arrumando as malas para a viagem

 

 

Oi, pessoal!

 

 

Uma das memórias mais divertidas que tenho sobre esse assunto foi do meu primeiro semestre na faculdade de Turismo. Cheguei na aula super empolgada, pensando nos diversos assuntos que iríamos abordar, em tudo o que aprenderia! Realmente um mundo a ser descoberto. Qual foi minha surpresa quando o tópico da aula era: como arrumar sua mala.

 

 

Confesso que fiquei muito chateada, e até frustrada, afinal, tinha enormes expectativas e… aprenderia a fazer uma mala de viagem? Quem não sabe montar a sua? É fácil… colocamos um monte de roupas e, se não fechar… pulamos, sentamos e pedimos ajuda de alguém até tudo caber lá dentro! Não exige prática nem sequer habilidade… tá bom, um pouco de habilidade exige sim, afinal, temos que saber o jeitinho certo de puxar o zíper!! 🙂

 

 

Mas minha brilhante teoria caiu por terra ao longo de nossas viagens. A primeira que fizemos para a Europa foi uma verdadeira loucura. Viajamos com duas malas enormes, uma para cada um, para evitar brigas, afinal, mulher tem fama de carregar muita coisa (uma injustiça, diga-se de passagem! hehehe). Descobrimos que essa não seria uma forma fácil de viajar, uma vez que no velho continente grande parte da locomoção é feita através de trens/metrôs. Isso pode ser trabalhoso (e até perigoso) se você carregar uma mala grande e pesada, mesmo com rodinhas, já que a maior parte das estações são acima ou abaixo do nível da rua, o que significa que você vai precisar carregá-la em algum momento, pois nem todas as estações contam com escadas rolantes.

 

 

Assim, na nossa última viagem, David propôs que reduzíssemos drasticamente o volume carregado, com o objetivo de facilitar o deslocamento e evitar o tempo perdido aguardando as malas nas esteiras dos aeroportos. Desafio aceito. Confesso que ainda podemos melhorar muito, pois ainda carrego roupa demais na bagagem. Nossa situação atual é: viajamos com uma mala pequena e uma mochila.

 

 

Comecei a acreditar que realmente fazer a mala é um exercício. Devemos sempre pensar em melhorar os “processos” para ter um resultado cada vez melhor. Pesquisando na internet uma forma de deixar ainda mais compacta, encontrei essa reportagem do NY Times. Trata-se de uma aeromoça que ensina como empacotar 10 dias de roupas em uma pequena mala de comissária. Incrível o que ela consegue fazer: 3 calças sociais, 3 calças casuais, 3 shorts, uma saia, 3 camisolas, 3 roupas de praia, uma canga, 3 casacos, 4 vestidos, 10 blusas casuais, 6 blusas sociais, 2 pares de sapatos e a frasqueira. O que me fez questionar se também conseguiria esse feito.

 

 

Então, para a próxima viagem, o desafio será enrolar tudo para caber direitinho, sem amassar, e sobrar espaço para algum “investimento” ao longo do roteiro. Outro exemplo de como é possível e economiza bastante espaço está nesse vídeo. Tudo coube em apenas uma bolsinha. Incrível! Se você pesquisar na internet, encontrará diversos tutoriais que poderão auxiliar no desenvolvimento da sua técnica. Aliás, adorei essa maneira de enrolar.

 

 

Nossa viagem agora será para lugares um pouco mais frios, onde a temperatura média ao longo, segundo a previsão do tempo, será de 15 graus, com expectativa de chuva. Fiz a minha tentativa e o inventário para 17 dias de viagem é o seguinte: 10 blusas,2 calças jeans, 1 saia comprida, 6 pashminas/lenços, 1 casaco de couro, 1 tênis, 3 cardigans, 3 blusões de lã, 2 blusas de manda comprida, 1 luva,  nécessaire, meias, roupas íntimas e pijamas, e um Kit de emergência com removedor e esmalte (sempre ajuda, principalmente se você irá para alguma cidade litorânea!)

 

 

Para organizar a mala é super simples. Primeiro, enrole todas as peças individualmente, com cuidado para que fiquem retinhas, evitando que cheguem amassadas.

 

 

 

 

Na primeira camada, coloque as roupas mais “pesadas”, como calças jeans, toalhas, blusões. Se você preferir, utilize os calçados nas laterais da mala para fazer a moldura. Isso é muito usado no caso de carregar vários pares. Outra opção, para uma menor quantidade de roupas, iniciar a mala com as calças, abrindo-as no fundo da mala, como neste caso. Eu ainda prefiro em rolo e camadas. Acho que fica mais prático para acessar as roupas.

 

 

 

 

Após, finalize com as roupas que restaram (mais leves) e sua necessaire. Esse sistema permite uma visualização melhor das roupas, evitando uma bagunça generalizada só para pegar uma blusa.

 

 

 

 

E… tcharaaaam! Mala prontinha e com espaço para o retorno, com algumas lembranças bacanas da viagem, sem a preocupação de não caber mais nada!! 🙂

 

 

 

 

Essa nova experiência em fazer a mala em “rolinhos” foi muito bacana! Fica muito mais organizado e fácil de encontrar tudo o que precisamos.

 

 

Há pouco tempo, a marca Louis Vuitton divulgou um vídeo com algumas dicas de como organizar a mala. Curioso? Clique aqui!

 

 

E você, já testou? Tem alguma dica?

 

 

 

 

Enjoy!!

 

 

 

Beijo grande

 

 

 

 

*

 
5 Comentários

Publicado por em 10 de Maio de 2012 em Como organizar sua viagem

 

Etiquetas: